Psicologia da Educação

Apresentação

O curso aberto de Psicologia da Educação é uma iniciativa da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) para proporcionar acesso livre aos conhecimentos produzidos pelo meio acadêmico. O curso se constitui numa proposta de metodologia flexível. Os cursistas podem acessar o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) conforme sua conveniência, coaprendendo entre pares, por meio da participação nos fóruns. O conteúdo está distribuído em múltiplos objetos de aprendizagem. Esta é mais uma empreitada da instituição no universo dos cursos abertos a distância Massive Open Online Course (MOOC).


Identificação

Nome do curso: Psicologia da Educação

Modalidade: à distância

Carga horária: 60 horas

Duração: flexível

Área do conhecimento: Educação

Público alvo: estudantes universitários, professores, profissionais do setor público e privado, comunidade em geral.

Entidade promotora: Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)

Desenvolvimento: Núcleo de Tecnologias para Educação da UEMA (UEMANET)


Objetivos

Geral:

- Compreender criticamente aspectos pertinentes à teoria e práticas pedagógicas no que tange o ramo de conhecimento da Psicologia.

Específicos:

- Compreender criticamente aspectos pertinentes à teoria e práticas pedagógicas no que tange o ramo de conhecimento da Psicologia;

- Identificar os principais conceitos e implicações das teorias comportamental, humanista e inatista.

- Reconhecer a contribuição de Piaget para o entendimento do desenvolvimento afetivo, moral e social da criança.

- Estabelecer as relações entre os conceitos e as implicações pedagógicas na abordagem vygotskyana.

- Caracterizar o processo de desenvolvimento e aprendizagem sob a perspectiva de Wallon.

- Ampliar a compreensão sobre a educação inclusiva a partir das contribuições teóricas de Piaget e Vygotsky;

- Compreender o significado evolutivo da adolescência e seu caráter biopsicossocial e cultural.


Programa do Curso

UNIDADE I - A RELAÇÃO PSICOLOGIA E EDUCAÇÃO: aspectos históricos, campos de contribuição e a diversidade de enfoques 

- Aspectos históricos da construção da Psicologia e de sua relação com a Educação  Campos de contribuição da Psicologia na Educação ;

- A diversidade de enfoques da Psicologia na Educação e o uso do critério epistemológico para sua análise.

UNIDADE II - O DESENVOLVIMENTO E A APRENDIZAGEM: Teorias que enfatizam o sujeito e teorias que enfatizam o objeto

- O comportamentalismo na Psicologia, sua ênfase no mundo exterior ao sujeito e suas implicações educacionais;

- A Psicologia humanista de Carl Rogers: uma concepção idealista do sujeito e suas implicações educacionais;

- A ênfase nos fatores biológicos: o inatismo na Psicologia e suas implicações educacionais.

UNIDADE III - III-EPISTEMOLOGIA GENÉTICA: uma concepção interacionista e suas implicações educacionais 

- Piaget e sua epistemologia genética;

- A construção do conhecimento;

- O desenvolvimento afetivo, social e moral .

UNIDADE IV - CONCEPÇÃO SOCIOHISTÓRICA DE VYGOTSKY E SUAS IMPLICAÇÕES EDUCACIONAIS

- A formação social da mente: conceitos Vygotskyanos;

- A linguagem e seu papel na aprendizagem e desenvolvimento;

- A formação de conceitos.

UNIDADE V - A CONSTRUÇÃO DA PESSOA: abordagem Walloniana e implicações educacionais

- Ideias Básicas de Henry Wallon;

- EMOÇÃO E AFETO: o papel do outro no desenvolvimento;

- As fases do desenvolvimento ;

- Implicações educacionais. 

UNIDADE VI - A INCLUSÃO NAS ESCOLAS E O PAPEL DA PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO

- O que é inclusão?

- Diferenças: o desafio nas escolas;

- As ideias de Piaget e de Vygotsky a respeito das pessoas com necessidades especiais.

UNIDADE VII-ADOLESCÊNCIA: desenvolvimento Biopsicossocial e Cultural 

- Significado evolutivo da adolescência e seu caráter Biopsicossocial e Cultural;

- A adolescência sob a perspectiva de diversos teóricos; 

- Característica do desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo e social e as questões relativas sexualidade, à escolha profissional e às drogas.


Metodologia

O acesso ao curso será feito através de um rápido cadastro e a criação de um perfil para o Ambiente Virtual de Aprendizagem, onde todo material estará disponibilizado.

Os conteúdos a serem estudados de forma livre pelo cursista estarão disponíveis em forma de caderno de estudos, videoaulas, slides das informações apresentadas nas videoaulas, PodCasts e material complementar (vídeos e textos considerados relevantes para os estudos do cursista).

Para promover o aprofundamento das discussões, os cursistas terão fóruns de discussão à disposição no ambiente virtual. Neles, serão discutidos os conteúdos disponibilizados, além da troca de informações e conhecimentos.


Processo de Avaliação

O curso prioriza a autoavaliação pelo participante, uma vez que oportuniza o esforço de aprendizagem autônoma. Ao mesmo tempo, a interação aluno-aluno é valorizada, favorecendo a troca de conhecimentos e experiências.

A partir dos estudos desenvolvidos no ambiente, o cursista poderá comprovar os seus conhecimentos respondendo a um questionário com questões objetivas propostas para o curso. Os questionários estão identificados como “Prova” na página inicial do curso. Caso seja aprovado, o participante terá direito a emitir um certificado de conclusão de curso. Para conseguir a aprovação, o participante deve obter no mínimo 75% (setenta e cinco por cento) de aproveitamento.

Não haverá atribuição de qualquer tipo de nota ou conceito. O resultado será dado imediatamente ao participante na própria plataforma. O participante não receberá informações acerca do seu desempenho por parte da UEMA via mensagem, e-mail ou qualquer outro meio de comunicação. 


Certificação

O processo de certificação se dará pelo registro do progresso do cursista no que tange ao acesso aos objetos de aprendizagem (Cadernos de Estudos e Videoaulas), bem como a obtenção de 75% (setenta e cinco por cento) de aproveitamento ao responder aprova, que é um questionário com 08 (oito) questões objetivas. Ao cumprir estes pré-requisitos, o participante terá direito a emitir o certificado de conclusão de curso.

Atenção: antes de emitir o certificado, verifique se seu nome está completo no perfil de participante. O documento será emitido com o nome que você cadastrou no momento em que se inscreveu na plataforma dos MOOCs da UEMA. Caso precise corrigir isso, clique nolink com seu nome no canto superior da tela, em seguida clique em “Perfil” e depois selecione o link “Modificar Perfil”. Complete seu nome, role a tela até o final e clique no botão “Atualizar perfil”.

Diante disso, o cursista poderá emitir um certificado online de conclusão de curso, que possui o aval da Universidade Estadual do Maranhão – UEMA, Brasil. O certificado será disponibilizado em link específico para o participante, que poderá imprimir o documento, conforme sua conveniência. A universidade não envia o certificado ao participante por nenhum meio digital (e-mail, celular, etc.) ou físico (correio). O ato de emitir o certificado é responsabilidade do participante.


Referências

BÁSICA

ABERASTURY, A Adolescência. Porto Alegre: Artes Médicas, 1990. BOCK, Ana Maria Bahia ET. All.

PALACIOS, J. Desenvolvimento psicológico e educação – psicologia Evolutiva. Porto Alegre: ARTMED,

2004. V. 1. FILHO, Francisco Geraldo. A psicologia no contexto educacional. Campinas, SP: Editora Átomo,

2002. PIAGET, Jean. Psicologia e pedagogia. São Paulo: Forense, 1970.

TENREIRO, Maria Odete Vieira. Psicologia da Educação. Ponta Grossa: Ed.UEPG,2009.


COMPLEMENTAR

ARAUJO, Raimundo Dutra. Psicologia da Educação.Teresina: UAB/NEAD/FUESPI, 2011.123p. BOCK, Ana Maria Bahia & outros. Psicologias : uma introdução ao estudo de Psicologia. São Paulo, Editora Saraiva, 1999.

BOCK, Ana Maria Bahia & outros. Psicologias : uma introdução ao estudo de Psicologia. São Paulo, Editora Saraiva, 1999.

BEE, H. O ciclo vital. 1. ed. Porto Alegre, RS: Artmed, 1997. NOVAIS, Maria Helena. Psicologia da educação e Prática Profissional. Petrópolis: Vozes, 1992.

ZAGURY, Tânia. Professor refém : porque fracassa a educação escolar no Brasil. 90. ed. Rio de Janeiro: Record, 2013.

VIGOTSKY, L. S. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1988.

PEREIRA A. C. S; WILLIAMS L. C. A. Os alunos vítimas e autores de violência escolar e a responsabilidade da educação especial.Teoria e Pratica da Educação, v. 11, n. 1, p. 79-90, jan./abril 2008.

PALAZZOLI M. S et al.  El mago sin magia: como cambiar la situación paradójica del psicólogo em la escuela.1. ed. Buenos Aires: Paidós, 2008.

MULLER, Laura. Altos papos sobre sexo dos 12 aos 80 anos. São Paulo: Globo, 2009.

DEL PRETTE, Zilda   A. P; DEL PRETTE, Almir.  Psicologia das habilidades sociais na infância: teoria e prática. 5. ed. Petropólis, RJ: Vozes,  2011.

DEL PRETTE, Zilda et al. Tolerância e respeito às diferenças: efeitos de uma atividade educativa na escola. Psicologia: teoria e prática, v. 14, n. 1, p. 168-182, 2012. Disponível em: < http://editorarevistas.mackenzie.br/.> Acesso em: 20 dez. 2014.

LEMOV Doug Aula nota 10: 49 técnicas para um professor ser campeão de audiência/ Doug lemov; tradução Leda Beck; consultoria Guiomar Namo de Mello e Paula Louzanno. – São Paulo: Editora Da Boa Prosa, 2013.

____________Aula nota 10: um guia pratico de exercícios para atingir a proficiência nas 49 técnicas e maximizar o aprendizado/Doug lemov; tradução Leda Beck; consultoria Guiomar Namo de Mello e Paula Louzanno. – São Paulo: Editora Da Boa Prosa, 2013.

Santos, Larissa Medeiros Marinho dos Psicologia da educação — São João del-Rei, MG : UFSJ, 2011. 73p.

SHURE, Myrna B. Eu posso resolver problemas: um programa de solução cognitiva para problemas interpessoais/ Myrna B. Shure; traduzido por Edna Maria Marturano, Ana Maria DE Almeida Motta, Luciana Carla dos Santos Elias; ilustração de Ivana Soares Paim. – Petrópolis, RJ, Vozes, 2006.

Coll, C., Marchesi, A. , Palácios, J. & cols.(2004) Desenvolvimento psicológico e educação. (Vol. 32). Porto Alegre: Artmed.

Última atualização: quarta, 12 Abr 2017, 16:13
Última atualização: quarta, 24 Mai 2017, 11:38